Carros de Competição: Renault Dauphine Gordini

A Renault criou o Dauphine para ser um modelo popular, e substituir o 4CV, lançado em 1956 conseguiu sua meta. Mas a Renault o colocou para correr, e em 1958, graças a sua manobrabilidade, agilidade e eficiência, ganha o Rali de Monte Carlo, Tour de Corse e a Mille Miglia, além do rali da Costa do Marfim no ano seguinte. O modelo 1091 R contava com motor revisado pela Gordini com 10 HP a mais que o Dauphine de rua (27 HP), além de uma caixa de marchas de 4 velocidades, e freios mais eficientes. Mais pra frente, veio a evolução 1093, com mesmo motor, agora com 55HP, carburação dupla, freios a disco nas quatro rodas, e uma particularidade, só era disponibilizado na cor branca com duas faixas azuis ao longo da carroceria.

Deixe uma resposta