Roadsters

Roadster são pequenos conversíveis de dois lugares feitos para passeios e curtir estradas. Selecionamos 15 cuca-fresca clássicos

Lotus Elan
O Elan foi um dos primeiros Lotus e um dos mais legais, junto com o Super 7, seguia os princípios da marca, carro leve com motor de pequena cilindrada e muita esportividade. O tímido Ford 116E ganhou cabeçote DOHC em alumínio e potência na casa dos três dígitos.


AC Cobra
Não, não foi o Carroll Shelby que criou o AC, apenas pegou um obscuro e desconhecido roadster inglês e o transformou em mito! E assim como o GT40 foi criado como clara provocação à Ferrari, o Shelby Cobra nada mais é do que uma resposta Ford ao Chevy Corvette.

MG MGB
O MGB foi um sucesso, tanto na Inglaterra quanto nos EUA, por ser um carro econômico e bastante rápido…chegava a mais de 160 km/h sem nenhum problema e fazia de 0-100 em 11 segundos…marcas respeitáveis pros anos 1960!

Mazda MX-5 Miata
O pequeno Miata fez ressurgir o conceito de roadster, baseado nos ingleses dos anos 1960, o pequeno roadster japonês se tornou um grande sucesso

Triumph TR4A
Evolução do TR4 que contava com suspensão independente na traseira e melhorias mecânicas para atender aos pedidos por uma dinâmica mais confortável e esportiva. O TR4A venceu as 12 horas de Sebring de 1966, finalizando nos três primeiros lugares

FIAT 124 sport spider
O FIAT 124 era um sedã normal, com motor normal, aí fizeram uma versão roadster e enfiaram um cabeçote DOHC de alumínio e fluxo cruzado e pimba! A Pininfaria assumiu a produção entre 1983 e 1985 após a FIAT encerrar a produção

Honda S800
O S800 foi a versão superior da série iniciada pelo S360 pela então fabricante de motos,

Ferrari 212 Inter
Um modelo de classe e exclusivo, bem antes de virar uma das marcas favoritas de noveau riches, jogadores de futebol em ascenção, empresários emergentes, etc. A 212 poderiam ter carrocerias feitas por diversas encarroçadoras como Ghia, Touring, Vingnale e Pininfarina, e em configurações especiais…seu saldo bancário era o limite

Alfa Romeo Spider
Fabricada por quase 30 anos (entre 1966 e 1993) a Spider foi a última Alfa Romeo de tração traseira até o lançamento da 8C Competizione. Considerada um dos clássicos do design automotivo, sofreu pequenas mudanças estéticas e mecânicas nos 27 anos e quatro séries em que foi produzida.

Jaguar XK-E
A lenda inglesa, derivado do Type D de corridas, o Jaguar XK-E (ou Type E) foi um dos maiores e lendários roadsters ingleses das décadas de 1960-1970

Porsche 365 Speedster
Era um esportivo leve, ágil e bom de dirigir, além de ter sido o cartão de visitas da Porsche para o mundo. É um dos roadsters mais replicados até hoje!!

Volkswagen Typ14 Karmann-Ghia
Mesmo sendo basicamente um VW Sedan mais caro, o Karmann-Ghia tinha classe, estilo e personalidade própria

Dodge Viper R/T 10
O carro que praticamente fez renascer o espírito dos Muscle Cars…nada como montar um esportivo e meter um V10 de uma picape pesada, com preparação, é claro! Massively Over Powered And Respected! =)

Chevrolet Corvette
Um ícone americano. Produzido desde 1953, é um dos poucos carros a representarem bem o American Way of Life do pós guerra. Atualmente na sua sexta geração, é um dos símbolos automotivos norte-americanos, junto com os muscle cars.

BMW Z1
A BMW queria entrar na fatia do mercado de roadsters entre a Mercedes-Benz e os MG e Triumph com a 507, mas foi um fiasco total e quase quebrou. A coisa foi tão feia, que só 40 anos depois fizeram outro roadster, a Z1 em 1989. Uma das características mais marcantes são as portas retrateis, ou seja, elas são recolhidas pra dentro da carroceria!!!

Deixe uma resposta