BMW 321 Restomod

Alexis Kozlov comprou uma BMW 321 ano 1938, que foi reformada em plena era soviética, claro, dentro do que havia à mão na época.

O carro conta com alterações, como todo restomod. Mecanicamente o motor original havia sido substituído pelo motor de um GAZ 24 (um 4 cilindros 2.4) bancos mais modernos para facilitar o uso diário, embora tenha comprometido a ergonomia de certa forma,  e a manutenção…afinal na União Soviética, embora o BMW 321 tenha sido usado em engenharia reversa para produção de carros em países satélite, obviamente não haveria peças de reposição e nem alguém autorizado da BMW por lá. Isso, faz desse projeto algo interessante, afinal um restomod é um carro restaurado fora dos padrões…e de certa forma,essa BMW é um restomod fora dos padrões de um restomod! Devido ao trabalho de adaptação do powertrain do GAZ 24 Volga ter sido tão bem feito, Alex decidiu ficar com o carro do jeito que está…

fonte: Automarket.su (em russo)

Corvette Nomad Restomod

A versão “familiar” do Corvette, o Corvette Nomad, não passou de um protótipo estático apresentado pela Chevrolet em 1954 no Motorama. Mas em 2004 o “lançamento” comemorou 50 anos, e muitos fãs da marca, e de Vettes, criaram réplicas dessa versão lendária do Corvette.

John Bolsted na época do Motorama tinha entrado no ensino médio, e ao ver um anúncio da AC Spark Plugs na Life com um Corvette Nomad, ele pôs na cabeça que teria aquele um Vette Nomad.

O tempo (50 anos) passou e finalmente John realizou seu sonho. Seu sonho resistiu ao teste do tempo e John começou a montar seu Nomad por volta de 2000. Procurou um Chevy Nomad que pudesse servir de base para a réplica e achou um modelo 1956 em Rhode Island e voltou rodando até a Califórnia. Após isso, ele começou uma intensa pesquisa através de fotos da época e projetar as modificações do carro. Aliás, John fez de uma forma curiosa…aproveitando que era conhecimento público que o ‘Vette Nomad usava aro 15, utilizou isso pra descobrir as dimensões do carro inteiro! =o

Isso feito, o carro foi cortado e John foi atrás de partes de Corvette de primeira geração para fazer a frente e a traseira do carro conforme o protótipo original. Carroceria feita, foi pra pintura, onde recebeu duas cores (Lake Placid Blue, do catálogo da Cadillac de 1950, e India Ivory, do catálogo da Chevrolet de 1955) além de cromados do Corvette 1954. Pra ficar com visual oldschool, John botou as rodas de aço estampado originais do Corvette C1 com pneus banda branca. Por dentro contava com bancos de Toyota na frente e de Chevy Celebrity na traseira, além de volante de Corvette ’58. Agora vamos à parte from hell do carro, o trem de força: motor LS1 5.7 e câmbio 6 marchas T56 oriundos de um Camaro 2002.

Fonte: Super Chevy

IFA Sachsenring Trabant P601

O designer polonês Tomek, resolveu dar uma cara nova a um carro cult do Leste Europeu, o Trabant, pequeno modelo oriundo da Alemanha Oriental que era basicamente o carro mais popular da cortina de ferro.

Continuar lendo IFA Sachsenring Trabant P601